Jogo travando? O problema pode ser no servidor • Loga® Internet
18153
single,single-post,postid-18153,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode-theme-ver-9.2,wpb-js-composer js-comp-ver-4.11.2.1,vc_responsive
LOG_J5832_R01_Jogo-travando_Post-Fb-thumb

Jogo travando? O problema pode ser no servidor

Por mais tentador que seja culpar a internet, nem sempre ela é a culpada pelos problemas

Muitos ainda torcem o nariz ou acreditam que é apenas uma fase, mas a verdade é que os E-Sports vieram para ficar. Com cada vez mais adeptos, reconhecimento e torneios milionários, visar um futuro de sucesso na modalidade já não parece apenas um sonho.

Por aqui, já falamos com mais detalhes sobre o E-Sports em outro post. Clique aqui para ler.

Arena em torneio de E-Sports

Arena em torneio de E-Sports

Para quem treina, joga profissionalmente ou apenas se diverte com os jogos, é preciso ter uma internet para poder acompanhar a alta demanda dos jogos. É o que explica o Gerente do Núcleo de Operação de Rede da Loga, Renato Souza:

“As categorias de disputa que envolvem grupos são as mais exigentes em termos de qualidade de rede, pois um jogador com a Internet lenta compromete o jogo de todos no grupo. Quando isto acontece o servidor simplesmente ‘chuta’ este jogador lentinho para fora do jogo e ele perde tudo. Dá para entender então como se sente este jogador, cliente de um provedor de banda larga, abruptamente quando é chutado (kickado) para fora pelo servidor.”

Por mais tentador que seja culpar o provedor de internet quando isso acontece, a verdade é  que ele nem sempre é o grande culpado por estes problemas.

“Muitas vezes, por estarem espalhados mundialmente na Internet, o caminho de rede entre o jogador e o servidor é bastante longo, passando por várias redes e vários links ao redor do mundo. Por exemplo: se um jogador aqui no Brasil utiliza um servidor que está na Coreia do Sul, este caminho envolve não menos que 10 redes autônomas e dezenas de links de comunicação, incluindo a rede e os links do próprio provedor.” conta Renato.

Jogo travando? O problema pode ser no servidor
Para quem já está habituado e mais familiarizado com essa linguagem de códigos, existem comandos para descobrir o caminho por onde passam os dados na Internet, desde a sua origem na casa do jogador, até o servidor de jogos. 

Segundo Renato, “Basta verificar na resposta destes comandos, quando os dados saem do domínio do seu provedor e quanto tempo isto demora. Este tempo deve ser em média 10 vezes menor que o tempo total para atingir o servidor de jogos. Uma outra boa prática que pode ser utilizada para melhorar o desempenho durante o jogo é conectar a console diretamente via cabo, evitando utilizar o Wi-Fi.”

Quem é profissional, sonha em ser ou apenas joga por diversão, é importante ter uma internet que não te abandone.

Quer uma Internet que você pode confiar? #EntãoLoga

Tags:
,